Skip to content

18/06/2018 Notícia

APRENDA QUAL TIPO DE ÓLEO VOCÊ DEVE ESCOLHER PARA SUA MOTO

Total

O óleo tem funções importantes, como garantir a lubrificação das peças, reduzir o atrito, manter a limpeza dos componentes internos do motor, reduzir consumo de combustível, e proporcionar melhor performance do motor e componentes como embreagem e câmbio. Portanto, é essencial fazer a escolha correta do óleo. Não dá para dar um tiro no escuro com nossa grande amiga de duas rodas, não acham!? Então vamos aprender direitinho qual tipo de óleo é o melhor para sua moto.

Cada moto possui suas próprias especificações e seu uso também define o tipo de óleo a ser utilizado. Motos de competição, por exemplo, não usam o mesmo tipo de produto do que as que são utilizadas no dia a dia, como para transporte ou para o trabalho. Além disso, o motor pode ser de dois ou quatro tempos, o que influência no desempenho e no tipo de viscosidade do óleo a ser utilizado e níveis de desempenho dos aditivos através das normas API e JASO. De qualquer forma, dê uma conferida no manual do proprietário, pois lá você terá informações mais certeiras. Mas é sempre bom entender um pouco sobre os diferentes tipos, índices de viscosidade e indicadores de desempenho.

Primeiramente, é importante saber que temos três tipos de lubrificantes: sintéticos, minerais e semissintéticos.  Eles se diferem pela viscosidade e durabilidade. Os sintéticos possuem menor viscosidade e em geral maior durabilidade, enquanto os minerais possuem maior viscosidade e menor durabilidade Para unir o útil ao agradável, sempre temos o semissintético, que é o intermediário entre os dois.

Em segundo lugar, você deve verificar o SAE (Índice de Viscosidade) indicado no rótulo da embalagem do produto, com dois números separados pela letra (w). Ele irá mostrar a resistência do seu óleo perante altas distâncias ou temperaturas. Portanto, se você é uma daquelas pessoas que gostam de uma boa aventura sobre duas rodas, tente buscar óleos com números mais altos, porque quanto maior o número, mais viscoso ele será.

Também não dá para esquecer de verificar o API (Indicador de Desempenho), que se encontra também na embalagem. Sempre representado pela letra “S”, as letras que estão a seguir dizem muito sobre seu óleo. Então, fique esperto com essa dica: quanto maior a posição da letra no alfabeto, o desempenho do seu óleo vai ser maior também, portanto faça uma boa escolha!

A especificação JASO (Japanese Automobile Standards Organization) também deve ser considerada para avaliar a qualidade dos óleos subrificantes para motocicletas. As de dois tempos recebem as siglas FA, FB e FC, em ordem crescente de desempenho e quatro tempos (MA, MA1, MA2 e MB).

A ELF (uma marca da TOTAL) tem o portifolio completo para atender todas as montadoras e motores de motocleta, desde baixas cilindradas aos motores de competição. Bem como toda linha de fluidos de freio, arrefecimento, moto care para cuidar da sua motocicleta.

Já sabe qual é o óleo ideal para sua moto? Dê uma olhadinha no manual do proprietário só para ter certeza antes de comprar. Agora, pode aproveitar e conferir nossa gama de lubrificantes para motocicletas feita exatamente pensando em todos os tipos de usos de motos, trazendo um ótimo desempenho para você, que usa sua amiga de duas rodas para lazer ou para a rotina cotidiana. Agora é hora de colocar o pé na estrada com a alta tecnologia da Total!